O fechamento contábil no Protheus é essencial para definir o Balanço Patrimonial e resultados econômicos da companhia e está previsto pelo Código Civil Brasileiro no Artigo 1.179

Uma das obrigações que demandam mais tempo, atenção aos detalhes e coerência, é o Fechamento Contábil no TOTVS Protheus. Além de ser uma obrigatoriedade, o processo de Fechamento Contábil torna-se uma excelente ferramenta estratégica para nortear futuros investimentos, expansões, posicionamento, identificar possíveis gargalos, perdas e problemas na gestão.

Existem diferentes tipos de Fechamento Contábil no TOTVS Protheus, dentre eles, os mais realizado são: Fechamento Anual, Trimestral e Mensal.

Para apurações trimestrais e mensais no ERP, é necessário que a estrutura de apuração de resultados tenha a Conta Ponte como sua primeira conta analítica, para que o sistema não zere o saldo das contas mensais ou trimestrais.

O primeiro passo para o Fechamento Contábil Anual TOTVS Protheus, é considerar o Encerramento do Exercício Atual, protegendo os dados mensais já fechados, bloqueando a alteração das informações lançadas. Uma vez que encerrado o fechamento anual, não é mais possível alterá-lo.

Esse resultado contabiliza a diferença entre as receitas e despesas, evidenciando se a empresa teve lucro ou prejuízo e em quais períodos. Nos Demonstrativos Financeiros, deve-se incluir o Balanço Patrimonial, os demonstrativos de Fluxo de Caixa, a DRE, demonstrativos de Lucros e Prejuízos e a declaração de ganhos retidos.

A TOTVS recomenda a execução da rotina de encerramento de exercício para que os saldos iniciais se mantenham íntegros para o próximo exercício. Para realizar esse processo basta acessar a rotina de Encerramento do Exercício no TOTVS Protheus, que abrirá os calendários contábeis, selecionar os calendários que serão encerrados e confirmar para que o sistema inicie o processo.

Outro ponto importante, que impacta no fechamento contábil no Protheus são as conciliações de saldos, que comparam o saldo do controle interno das informações contábeis com relatórios externos de contas bancárias, que concentram o valor monetário.

O mais importante em todo o processo é analisar a exatidão da escrituração fiscal, porque caso ocorram erros, deve-se realizar ajustes e reclassificações patrimoniais o quanto antes.

Para isso, deve-se considerar o balancete de verificação; analisar todos os valores creditados e debitados; conferir a legislação tributária e impactos sobre registros; checar resultados de inventário e estoque, visto que o valores de produtos precisam ser considerados no Livro de Registro de Inventário, observando as prescrições fiscais exigidas (ICMS, IPI e Imposto de Renda).

Considere todas as obrigações tributárias vencidas e com vencimento futuro. incluindo PIS, COFINS, IPI, ICMS, REFIS, entre outras. A Folha de Pagamento e Pró-Labore também devem ser compreendidas no fechamento contábil anual.

Inclua as prováveis despesas futuras como investimentos; novas contratações; participação em lucros; aquisições; expansões; provisões para férias, entre outras.

O Fechamento Contábil no TOTVS Protheus consolida dados e informações essenciais para o planejamento estratégico da empresa. Se seu sistema não atende suas necessidades e expectativas nesse processo, nós podemos ajudar.

A CRM Services conta com analistas especialistas seniores com larga experiência tanto nos sistemas TOTVS como em processos. Somos especialistas em Consultoria Protheus. Entre em contato conosco e saiba mais.